Exportações de carne bovina avançam 6,76% no primeiro bimestre do ano

As exportações brasileiras de carne bovina fecharam em alta no primeiro bimestre do ano. De acordo com os dados da Associação Brasileira das Indústrias Exportadoras de Carnes Bovinas (Abiec), de janeiro a fevereiro desse ano, os embarques somaram 262.418 toneladas, crescimento 6,76% em relação as 245.801 toneladas no mesmo período do ano passado.

Em receita, as vendas do período somaram US$ 979,38 milhões, leve redução de 2,80% ante a receita de US$ 1.007,62 bilhão no primeiro bimestre de 2018.

Os resultados foram puxados pelo desempenho das exportações no mês de fevereiro, que registraram 139.141 toneladas em volume e US$ 520,32 em receita, crescimento de 14,33% e 6,77%, respectivamente, no comparativo com o ano anterior, quando as exportações fecharam em 121.700 toneladas e US$ 487,32 milhões em receita. Trata-se do melhor resultado para o mês de fevereiro desde 2014.

Dentre os principais países compradores, o destaque é a China que no mês de fevereiro aumentou em 24% suas importações ante fevereiro de 2018. Além disso, os embarques para a Rússia, que nesse período do ano passado somaram 295 toneladas, saltaram para 5.236 toneladas em fevereiro desse ano. “Os resultados desse primeiro bimestre são positivos e vão de encontro com as projeções de crescimento das exportações para o ano de 2019”, ressalta o presidente da Abiec, Antônio Jorge Camardelli.



menu
menu